Total Pageviews

Friday, January 30, 2015

Desafios do Blogue Vida Organizada

Ai que feio, eu perdi o prazo e não postei as mudanças que fiz no dia correto. E o pior: eu fiz as mudanças, faltou foi postar mesmo!
Mas não tem problema. Quero mesmo assim mostrar como está ficando, pois há pouco me ocorreu que 1) eu gosto de falar sobre minha casa e como estou cuidando dela aqui no blogue, porque 2) penso que isso me ajuda a organizar os pensamentos e manter o registro. Ano que vem completo 10 anos de blogue. Estou começando a cogitar imprimir para guardar, afinal, um dia uma bisneta-sobrinha minha (já que tudo indica que não terei filhos, portanto bisnetos) pode me achar uma velhinha legal e querer conhecer o que eu fazia quando era jovem.
Bem, a postagem sobre o antes, vocês podem acessar neste link. Vamos ao depois?

Atual visão geral de frente.
Durante à noite, com as velinhas acesas.
Eu iniciei o mês decidida a alterar algumas coisas na minha percepção de que tipo de plantas queria cultivar em casa. Eu sempre tento com temperos, e eles morreram, mas eu percebi que eu poderia me beneficiar do verde apenas como ornamentação, e isso fez com que entrassem em casa: flores miudinhas (cujo nome desconheço) que quando murcharam mantive as folhagens, uma espada de São Jorge de 3 anos de idade quase e que estava seca na casa de praia dos meus pais (só de voltar a molhar 1x na semana, encheu de folhas novas e revigorou), uma planta chamada jibóia, que achei folhosa e estava baratinha no mercado.
Vasos eu tenho diversos, das outras tentativas. Não queria gastar dinheiro, pois não tenho, e nem queria fixar nada na parede, por não ter furadeira nem ninguém que se proponha a me ajudar gratuitamente com os furos.
Vista de cima: jibóia, espada de são Jorge, germinando sementinhas, cestinha com objetos que ficam na sala mas nem sempre estão em uso. No andar de baixo, regador, balde com fertilizante e envelopes de sementinhas.

Em algum momento, comprei sementinhas e nunca havia plantado nada. Resolvi que ia aproveitar isso, dentro da lógica de aproveitar o que tinha foi que revitalizei o tal do cantinho. Cuja vista é a seguinte:
Temos neste momento sementinhas germinando, de coentro e tomatinhos. Reaproveitei essa latinha linda de manteiga Soresina porque ela merecia ir parar na decoração. Tomei o meu banquinho sub-aproveitado do quarto, juntei nele minha fontezinha de bambu que faz barulho de água, lanterna de velas, e já estava uma delícia. Praticamente um jardinzinho em casa. E andava com uma ideia de colar na parede umas borboletas de cartolina vermelha, barato e fácil, mas aí me ocorreu que ficaria bem melhor a mandala que ganhei de aniversário e andava servindo de descanso de copos. Resolvi brincar de bolinhas, catei os bottons soltos pelo quarto e colei na parede, com fita dupla-face, minha amiga nesses dias de não-furadeira. Pus uma borrachinha atrás para não ficar tão instável e finalmente me livrei das coisas de uma forma bacana. 

Detalhinho na parede: a Frida, nossa rainha, ganha destaque no meio da mandala, enquanto Amelie Poulain, Chiquinha e Homer Simpson brincam juntos ali ao lado.

Preciso ainda melhorar muitas coisas: as cebolinhas não vingaram depois que as cortei, será que elas só vêm uma vez mesmo? Não sei se fui inteligente juntando a florzinha com a espada de São Jorge, pois talvez ela precise de mais água, enquanto que ele basta uma rega na semana. Preciso esconder fios e cabos ainda. A médio-longo prazo, preciso 'subir pelas paredes' com algumas plantas. Vamos ver.
Por fim, postei no grupo do face este pequeno vídeo, pois o barulhinho da água, nesses fins de tarde quentes, é muito relaxante e ajuda a refrescar:


Adorei o primeiro desafio! O grupo é muito solidário, e ajuda bastante, e em alguns momentos dei também meus pitacos no quintal dos outros (literalmente).
Não vejo a hora de conhecer o próximo!

No comments:

Blog Archive