Total Pageviews

Monday, October 14, 2013

Thais, a Caça-Caçambas

Inspirada em Buffy, a Caça-Vampiros
Ganhei um gaveteiro cheio de cupins. E nem contei a maior: ganhei logo dois gaveteiros e um móvel eloorme que fica na sala de estar cheio de cupins. Alguém pode perguntar porque eu aceitei, e eu sinceramente tenho dúvidas, mas o fato é que faz mais de um ano que periodicamente eu passo veneno, aspiro os cupins e vou levando a vida. 
Semana passada trouxe um gaveteiro intacto de meu quarto em Gothan City, prevendo a substituição de ao menos um dos gaveteiros. O problema é: como me desfazer? Porque ivaginem vocês que ninguém quer um gaveteiro com cupim nem de graça. No lixo não adianta levar, que a madeira engasga o processador de lixo, e mesmo o reciclável não aceita esse tipo de coisa. A prefeitura só vai buscar se a demanda for alta, eu acho muito feio colocar isso em terrenos aleatórios, de modos que a minha opção foi cair na semi-criminalidade, na malandragem de me aproveitar da estrutura alheia: as caçambas. Acho que isso não é crime, mas é algo que a pessoa que pagou pela caçamba acha ruim, de modos que para evitar conflitos eu tenho me desfeito do gaveteiro por partes, em caçambas aleatórias. Três gavetas mais a estrutura. Só falta me desfazer da estrutura.
Parece algo simples, mas pode ser bem complexo sair na calada da noite com um pedaço de móvel infestado de cupins procurando onde largá-lo, com medo de levar esporro do dono da caçamba. Ivagina quando tiver que me desfazer do móvel que, de tão grande, serve como rack para TV. 

3 comments:

Taís Moreira said...

rsrsrsrsrsrsr boa sorte

Neanderthal said...

Sempre tem alguém que quer.
Quando me desfaço de algum móvel, mesmo velho, boto n calçada e alguém vem e busca.

Bah said...

Só na criminalidade auhuahuahau

Kisu!

Blog Archive