Total Pageviews

Wednesday, October 09, 2013

Projeto Money For Nothing

Eu havia resolvido que nesse ano eu ia começar uma poupança. Você começou? Nem eu! Mas hoje é dia 9 de outubro e eu sou uma pessoa que acredita, mesmo quando parece que não vai mais dar!
Ocorre que, para variar, eu não só não economizei, como gastei também muito dinheiro, e com isso, tenho pequenas dívidas. E aí analisando tudo isso, e pensando em como os meus projetos costumam me ajudar, eu resolvi que um projetinho de final de ano poderia ser uma boa!
Primeira meta: pagar as dívidas!
Segunda meta: guardar dinheiro!
Minhas dívidas, de fato, não são grandes. Somadas todas, não chegam a dar um mês de salário. O problema é que no decorrer do mês, vou me esquecendo de focar em exterminá-las e acabo acumulando mais um perrenguinho aqui e ali. De modos que minha primeira atitude precisa ser fechar a torneira. Mais uma vez. Analisando aqui minhas finanças, em dois meses eu consigo reequilibrar a fatura do cartão de crédito (não há dívida, mas há uma fatura muito alta), e esse é o primeiro foco do novo projeto. 
Para fechar a torneira, o plano passa por fazer dois meses de extrema frugalidade, sendo o primeiro (outubro, já em andamento) o mais extremo, em que preciso encontrar alternativas para não aumentar minha fatura do mês em nenhum centavo a mais! Não que eu pretenda voltar a comprar em novembro, mas em outubro, tenho que me virar inclusive nas necessidades. Exemplo: ontem, ao voltar da minha atividade de greve, tomei uma carona com um colega, e assim R$2,75 continuam aqui em minha bolsinha. Eu gostaria de bananas e papaya, mas vou me contentar com os pêssegos e o abacaxi da semana passada. É uma ótima hora, aliás, para descongelar aqueles cubos de melão e fazer suco de frutas, para não sentir falta delas. É extremo, mas é só por mais uns dias, pois a fatura do cartão fecha no dia 20 de cada mês. Dali por diante, não posso comprar por hobbie, mas posso por exemplo comprar meus remédios, abastecer o carro, comprar bananas e por aí vai. 
Data de início do projeto: hoje, 9/10. Data do término: 31/12.
Para não cansar minha dileta audiência, farei postagens semanais sobre o andamento do projeto. Já estou com coisas legais para contar, sobre como vou me virar nesses momentos, que jeitinho vou dar para cada situação, pois algumas que costumo resolver 'passando no cartão' já se apresentaram e eu estou aqui! Com ele bem quietinho!
O nome do projeto veio de uma música que eu gosto muito, e os mais velhos devem conhecer. Oremos!

5 comments:

Bruxa do 203 said...

Também não comecei a poupança. Tá difícil!!!! Mas quero sair do buraco!!!!!!!!!!!!

Nanda Silva said...

acho que este é um dilema de muitos, juntar dim, estou com os mesmos planos, pretendendo começar a poupança em novembro , amém. O jeito é dar um jeito e tudo se resolve, assim espero. Beijo flor, boa sorte!

Ju said...

Adoro comprar, adoro mesmo! Mas não me considero compulsiva... tem horas que preferia que dinheiro não existisse. Pq ô trocinho pra atrapalhar nossa vida! rs

Adoro Dire Straits!

Cambaxirra said...

Olha, isso é difícil pra burro, né? Eu consegui ajudar mamis a fazer uma poupança, que nos salvou, hahaha, com gastos extraordinários que tivemos que fazer. Eu também estou tentando puxar o freio um pouco, pra ver se chegamos no final do ano com um bom saldo. Se quiser "trocar figurinhas", tamos aí. Mas já adianto que sou extremamente pão dura, hahaha.
Beijo!

Bah said...

Guardar dinheiro é uma arte para poucos auhauaha... se vc faz tudo certinho, sempre tem alguma emergência que fode seu plano... #oremos

Kisu!

Blog Archive