Total Pageviews

Wednesday, September 25, 2013

Filme: O Filho da Noiva


Anos atrás eu fui dormir na casa de uma amiga e nós pegamos um filme na locadora para assistir. A atendente nos explicou a história, insistiu muito nele e a gente levou - nisso, fica a dica embutida para os habitantes de sonífera ilha: os atendentes da Videoteca são excelentes para ajudar a escolher filme naqueles dias que você está indecisa. Naquela sexta à noite em questão, eu peguei no sono muito antes do filme acabar, e fiquei sem saber o final. Daí foi que semanas atrás, resolvi baixar e fazer jus à boa recomendação que havia recebido na época.
O filme, argentino, conta a história de Rafael (o filho da noiva), um quarentão em crise com o trabalho, sem tempo para nada, que se relaciona com dificuldade com a mãe, a namorada, a filha, ex-mulher, o pai, os funcionários e por aí vai. A mãe de Rafael tem alzheimer, e por conta disso vive em um internato, e seu pai a visita todos os dias. No dia do aniversário dela, ele resolve que quer dar uma guinada em sua vida, e realizar o único desejo da esposa que ainda não havia realizado: casar com ela na igreja. Entre o filho concordar em ajudá-lo, acontece um ataque cardíaco (do filho), que coloca sua vida em perspectiva, e dali por diante, ele resolve cuidar mais de si. Para conseguir isso, vende o negócio da família, se afasta da namorada, e vai se atrapalhando cada vez mais. O restante do filme mostra como ele desenrola os problemas em que se meteu, principalmente de relacionamento, e o resgate dessas relações, enquanto no pano de fundo, se organiza o casamento dos velhinhos.
Digo de boca cheia: ASSISTAM. O filme é tocante, emocionante, engraçado, dramático, belo e dinâmico. Quem gosta de comédia romântica pode talvez (veja bem, talvez) apreciar este filme - que não é uma comédia romântica, mas que tem uma história romântica, dramática, engraçada, tudo ao mesmo tempo. Só que sem ser previsível e boring como todas as comédias românticas. 
De plus, você vai observando os lindos cenários argentinos, as ruas largas, arborizadas, os ares de cidade antiga encantadores, pega nuances da cultura deles (os homens cumprimentam-se com beijinhos no rosto, own), se deleita com a melodia do sotaque. A atuação da mãe de Rafael (a noiva) é nada menos que impecável - aliás, o filme todo impressiona muito pela qualidade técnica, em todos os sentidos - chama tanto a atenção que até uma leiga feito eu consegue perceber.
 É lindo!

3 comments:

Cristiano said...

Vou colocar na fila!

Bruxa do 203 said...

Adoooooooooooooro esse filme!!!!

Já conheci muita gente legal em locadora. Muitos escolhem esse trabalho porque realmente adoram cinema e dão ótimas dicas, de acordo com o gosto do cliente.

Bah said...

Preciso me atualizar da lista de filmes, obrigada pela dica.

Kisu!

Blog Archive