Total Pageviews

Friday, June 28, 2013

Distraída

Enquanto o mundo desaba sobre minha cabeça, tornando minha vida pessoal uma imensa bagunça de textos, marca-textos, referências bibliográficas para buscar, correções, reuniões, manifestações, compromissos, milhões deles, minha cabeça insiste em manter-se teimosamente de pé, alerta, mas não para dar cabo dessa infindável lista de coisas. Não. Como sempre, na hora que mais preciso de concentração, estou louca, insone, perturbada, obcecada e focada unicamente na única coisa que não posso controlar. Enquanto o frio enregela meus dedos compridos batendo furiosamente no teclado, a cabeça anda fervendo e muito quente e longínqua, longe, lá onde não faz frio. Parece que nunca faz frio, aliás, quando a cabeça só falta fundir de tanto pensar naquilo que não vai me tirar da situação calamitosa em que me encontro

No comments:

Blog Archive