Total Pageviews

Monday, April 08, 2013

Zzz... preguiça


Quando a gente começa a fazer contas é porque de fato o romance já foi para o brejo há tempo suficiente para não merecer as contas feitas. E hoje de manhã, quando li pela sétima semana consecutiva (essa foi a conta) um relato acerca da mesma insatisfação, que tem uma precisão cirúrgica, de horário-frequência e conteúdo, refleti: tá me comendo pouco para me usar tanto de confidente. Deveria comer mais, deveria comer melhor. Ser três vezes mais gato, quatro vezes mais gostoso e pelo menos cinco vezes mais divertido. Porque paciência com crise alheia, a gente tem no trabalho (quando é paga para isso – meu caso), a gente tem com família, a gente tem com amigos, a gente tem com namorado. Não com alguém que deveria manter as coisas superficiais o suficiente para a gente só se comer quando quer, ou profundas o suficiente pra de repente numa dessas a gente se amar. Em não tendo o rapaz atitude pra fazer nenhuma das duas, perdeu a consultoria hoje de manhã, porque eu estava com preguiça demais para demonstrar empatia.

3 comments:

Bah said...

Será que eu entendi o que eu li? auhauauaa

Kisu!

Lari e Dé said...

certamente este não é o Big...
queremos notícias do Big :)

Cambaxirra said...

Hahahahaha!
Sabia que com esse post, posso dizer que você eliminou metade dos problemas do meu "pseudo-relacionamento-recém-terminado-ou-ainda-não-resolvido?"

Beijo!

Blog Archive