Total Pageviews

Tuesday, March 06, 2012

Meu amigo M., cuja privacidade respeitarei, viveu um episódio super digno do marcador solteira na batalha - tenho vários novos para adicionar depois do Carnaval, mas esse mereceu a dianteira pelo freak da situação toda!
M. numa festa avistou um rapaz bem apessoado pelo qual se interessou, e depois de uns pegas no banheiro resolveram ir para o carro, onde teriam mais intimidade. Chegando no carro, vinheta de filme de terror: o bruto é esquizofrênico e naquele dia havia misturado seus medicamentos com álcool e entrou em surto. Julgava haver uma terceira pessoa no carro, a qual ele deveria matar e tentava atingi-la com uma pedra. M., apavorado com a violência do rapaz (e com medo do estrago da pedra no carro) pedia freneticamente que o garoto desistisse de matá-lo naquele dia (coisa que esbravejava que faria), e deixasse para matá-lo só no dia seguinte. Ao que o catiço respondia que quanto a meu amigo, estava tudo "de boa", pois queria mesmo era matar o cara que o havia levado até o carro (oi?). Longos minutos de gritaria, pedras na mão e desespero se passaram antes que meu amigo o convencesse de que a morte do terceiro elemento poderia acontecer no dia seguinte, em outra festa. Foram embora, um alucinado procurando o terceiro elemento, o outro desesperado querendo fugir da morte.
Já fiquei com tantos caras bêbados e nunca tive medo de um surto de esquizofrenia, mas confesso que essa história, além de me fazer rir compulsivamente, me deixou mais seletiva...

4 comments:

Inaie said...

adorei!!! um doido pra matar o terceiro elemento e o outro louco pra se livrar do segundo...kkk

Luana said...

genteeeeeeeeee!!! Ele devia ter dito "nao mata nao! chama pra um menage!"

hahahaha

Cristiano said...

ahauhahuhua

Cambaxirra said...

Seu amigo é muito tranquilo, eu teria saído correndo aos berros do carro, já procurando um "quarto elemento" para me salvar, hahaha!

Blog Archive